12 de julho de 2024
EsporteNotíciasÚltimas

Goiás sofre derrota para o Palmeiras com um gol nos minutos finais.

O time goiano estava empatando sem gols até os 50 minutos, quando Breno Lopes marcou o gol no final da partida.

O Goiás manteve um empate sem gols até os 50 minutos do segundo tempo, quando Breno Lopes, do Palmeiras, marcou o gol da vitória para o time paulista na noite de sexta-feira (15) no Allianz Parque, em São Paulo. Isso encerrou a invencibilidade de oito jogos do Goiás na Série A. No entanto, o Goiás ainda mantém uma distância de quatro pontos em relação à zona de rebaixamento.

O Goiás caminhou para um empate importante fora de casa, mas sofreu um gol nos acréscimos, deixando pouco tempo para um acontecimento. Com esse resultado, o Palmeiras alcança 44 pontos na tabela, diminuindo a diferença em relação ao líder Botafogo para sete pontos, enquanto o Goiás permanece com 25 pontos.

A sequência anteriormente positiva do Goiás, que estava prestes a atingir nove jogos sem derrotas, agora se transformou em um jejum de quatro jogos sem vitórias, após três empates consecutivos e uma derrota para o Palmeiras.

O Goiás desenvolveu uma estratégia sólida sob o comando do técnico Armando Evangelista, com a entrada de Raphael Guzzo no meio-campo, conseguindo resistir à pressão inicial do Palmeiras. Aos poucos, o tempo esmeraldino impediu que os mandantes acelerassem o jogo e se mantivessem seguros na partida.

Em sua casa, o Palmeiras teve dificuldades para conectar jogadas de ataque e penetrar na defesa do Goiás. Na primeira metade do jogo, o Palmeiras teve apenas três finalizações, enquanto o Goiás chutou o gol apenas uma vez, contra Weverton.

O Goiás negou espaços para as triangulações do Palmeiras, forçando o tempo da casa a cruzar bolas na área a partir da zona emocionante. A defesa com Sidimar e Bruno Melo prevaleceu nessas situações, e o placar ocorreu inalterado até o intervalo.

O segundo tempo começou com a mesma tônica. O Goiás manteve uma defesa sólida, mas teve dificuldade em criar oportunidades de ataque. O momento mais perigoso aconteceu após a entrada de Raphael Veiga no Palmeiras, quando ele cruzou na área para Artur, cujo chute cruzado foi defendido com maestria por Tadeu.

Aos 29 minutos, o Goiás teve uma reviravolta quando Raphael Guzzo recebeu seu segundo cartão amarelo e foi expulso de campo. Mesmo com um jogador a menos, o Goiás chegou perto de marcar com Alesson, mas o gol foi anulado por impedimento.

O Palmeiras pressionou até a final e conseguiu a vitória aos 50 minutos do segundo tempo, quando Breno Lopes marcou após várias tentativas frustradas. O Goiás só voltará a campo na próxima quarta-feira (20) contra o Flamengo, com a ausência de Raphael Guzzo, mas com o retorno de Lucas Halter, Maguinho e Guilherme Marques.

FICHA TÉCNICA:

  • Campeonato Brasileiro – Série A – 23ª rodada
  • Jogo: Palmeiras 1×0 Goiás
  • Local: Allianz Parque (São Paulo/SP)
  • Data: 15/09/2023
  • Horário: 21h30
  • Árbitro: Sávio Pereira Sampaio/DF (FIFA)
  • Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa/RJ (FIFA) e Alessandro Álvaro de Matos (BA)
  • VAR: Wagner Reway/PB (VAR-FIFA)

Escalações:

  • PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha (Kevin), Luan, Gustavo Gómez e Piquerez; Zé Rafael (Breno Lopes), Gabriel Menino (Richard Rios) e Artur (Endrick); Mayke, Flaco López (Raphael Veiga) e Rony. Técnico: Abel Ferreira.
  • GOIÁS: Tadeu; Bruno Santos (Edu), Sidimar, Bruno Melo e Hugo; Willian Oliveira, Morelli e Raphael Guzzo; Allano (Vinícius), João Magno (Alesson) e Anderson Oliveira (Julián Palacios). Técnico: Armando Evangelista

Gol: Breno Lopes aos 50′ do 2º tempo (Palmeiras)

Expulsão: Raphael Guzzo (Goiás)

Público: 38.146 torcedores

Renda: R$ 2.450.600,58