12 de julho de 2024
EsporteNotíciasÚltimas

Na sua estreia na Sul-Americana, o Goiás empatou com o Santa Fé da Colômbia, após uma luta árdua.

Goiás x Santa Fe

O Goiás estreou na Copa Sul-Americana empatando sem gols contra o Santa Fé, da Colômbia, jogando em casa, na noite de terça-feira (4), com o time reserva. Apesar da pressão inicial do clube esmeraldino, a defesa bem postada do Santa Fé limitou suas chances. A melhor oportunidade de gol do Goiás foi com Diego Gonçalves, de cabeça, aos vinte minutos. O estreante Morelli também teve duas boas chances. O segundo tempo teve poucas chances de gol, com destaque para Matheus Peixoto e Sidimar, que quase marcaram. A partida terminou em empate, e o próximo jogo será no Peru, em 20 de abril.

Goiás e Santa Fe empataram em 0 a 0 na estreia da Sul-Americana, somando um ponto cada na tabela de classificação do Grupo G. Os outros times do grupo, Gimnasia la Plata e Universitario, jogam amanhã. O próximo jogo do Goiás será contra o Universitario, fora de casa, no dia 20 de abril.

Antes disso, o Esmeraldino tem outro compromisso, a final do Campeonato Goiano, no domingo, novamente na Serrinha, contra o Atlético-GO. Após perder o primeiro jogo por 2 a 0, o Goiás precisa vencer por três gols de diferença para ser campeão, ou por dois gols para levar a decisão para os pênaltis.

GOIÁS 0 X 0 INDEPENDIENTE SANTA FE

Local: Serrinha, Goiânia (GO)
Data-Hora: 04/4/2023 – 19h
Árbitro: José Cabero (CHI)
Auxiliares: José Retamal (CHI) e Leslie Vázquez (CHI)
VAR: Francisco Gilabert (CHI)
Público/renda: 9.290 pagantes/R$ 130.155,00
Cartões amarelos: Edu (GOI), Mosquera, Rivera, De La Rosa, Enamorado (STF)
Cartões vermelhos: –
Gols: –

GOIÁS: Tadeu; Maguinho, Sidmar, Edu (Lucas Halter, ao 1/2ºT) e Hugo; Zé Ricardo, Willian Oliveira (Felipe Oliveira, aos 33/2ºT) e Morelli; Alesson (Ariel, aos 34/2ºT), Diego Gonçalves (Diego, aos 23/2ºT) e Philippe Costa (Mateus Peixoto, aos 23/2ºT). Técnico: Guto Ferreira.

INDEPENDIENTE SANTA FE: Juan Espitia; Moreno, Julián Milán (David Ramirez, aos 13/1ºT), José Aja e Dairon Mosquera; Rivera, Marrugo, Iván Rojas e Enamorado (Morelo, aos 41/2ºT); De La Rosa e Rodallega. Técnico: Harold Rivera.