24 de julho de 2024
NotíciasPolíticaÚltimas

O reajuste na tarifa do transporte do Entorno do DF foi impedido pela articulação de Caiado.

O governador Ronaldo Caiado articulou a suspensão do reajuste na tarifa do transporte coletivo do Entorno do Distrito Federal (DF), que estava previsto para ocorrer. A reunião com o ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, aconteceu nesta quinta-feira (23/02) no Palácio do Planalto, em Brasília. Durante a conversa, Caiado propôs a criação de um consórcio para dividir igualitariamente a diferença de custos entre os três entes federados, evitando que o aumento afetasse o bolso do cidadão. O ministro Padilha comprometeu-se em lutar pela não realização do reajuste, reforçando a solicitação junto ao Ministério dos Transportes, Ministério das Cidades e ANTT.

Gestão compartilhada

Ronaldo Caiado, governador de Goiás, pretende não apenas manter os preços das tarifas de transporte coletivo do Entorno do Distrito Federal (DF), mas também criar um novo modelo de gestão compartilhada, com subsídios do governo. O projeto foi apresentado por Caiado ao ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, e prevê a gestão conjunta dos governos de Goiás, Distrito Federal e União. Durante a reunião, o governador ressaltou a importância do apoio do governo federal para a implementação das mudanças, já que atualmente a responsabilidade é exclusiva da ANTT.

Tarifa técnica

O governador Ronaldo Caiado planeja implementar um modelo de gestão compartilhada do transporte coletivo no Entorno do DF, semelhante ao já existente na Região Metropolitana de Goiânia. Nesse novo modelo, a tarifa seria parcialmente subsidiada pelo poder público, em que Estado, municípios e União dividiriam o custo da passagem. Para implementar essa mudança, uma comissão seria criada para calcular a “tarifa técnica”, que definiria o preço final pago pelo usuário. Isso beneficiaria mais de 175 mil pessoas. A primeira reunião da equipe técnica está marcada para a próxima semana e a governadora em exercício do DF, Celina Leão, manifestou apoio ao projeto. O objetivo é criar uma Região Metropolitana do Entorno do DF (RME) para facilitar a implementação das mudanças. A demanda já havia sido apresentada ao presidente Lula em uma reunião com os governadores em janeiro. Acompanharam Caiado na reunião o vice-governador de Goiás, Daniel Vilela, a procuradora-geral do Estado, Juliana Diniz Prudente, o secretário-geral do Governo, Adriano da Rocha Lima, e o secretário de Relações Institucionais, Lucas Vergílio.