24 de julho de 2024
EsporteNotíciasÚltimas

O Vila Nova venceu o Juventude por 2 a 0, fora de casa, e está de volta ao G4 da Série B

Os gols da partida foram marcados por Igor Henrique e o outro foi contra. O próximo compromisso é em casa, no sábado, contra o Avaí, às 18h.

O Vila Nova finalmente conquistou uma vitória na série B do Brasileirão. Nesta segunda-feira (7), com o técnico Marquinhos Santos estreando, o time enfrentou o desafio no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, e saiu vitorioso com um placar de 2 a 0. Durante o jogo, o Vila Nova aproveitou as oportunidades de jogadas aéreas, resultando nos gols marcados por Igor Henrique e um gol contra de Danilo Boza. Essa vitória pôs fim a uma sequência de 5 partidas sem vitória para a equipe goiana.

Além de interromper a série de resultados negativos, o Vila Nova também garantiu seu lugar no G4 da série B, agora ocupando a 4ª posição com 38 pontos. Por outro lado, o Juventude caiu para a 7ª colocação, totalizando 36 pontos. Na próxima rodada, o Vila Nova receberá o Avaí no sábado (12) no Estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), enquanto os gaúchos enfrentarão o Guarani no domingo (13) em Campinas.

O jogo entre Juventude e Vila Nova teve um início atrasado devido à neblina que tomou conta do estádio Alfredo Jaconi. Após cerca de 30 minutos de espera, a partida finalmente começou. Mesmo jogando em casa e em melhor forma, o Juventude dominou a partida e criou as melhores chances. Fábio Gomes teve uma oportunidade clara de gol após uma boa jogada coletiva, mas sua finalização saiu fora. Matheus Vargas também acertou a trave, mostrando a pressão dos gaúchos.

Apesar do domínio do Juventude, a noite foi de destaque para Dênis Júnior, o goleiro do Vila Nova, que salvou várias finalizações do time adversário, incluindo chances de Zé Marcos e Jean Irmer em lances de bola parada. O Vila Nova, por sua vez, tentou pressionar com sua formação ofensiva de quatro atacantes, mas teve pouca efetividade. A melhor oportunidade veio com Neto Pessoa, que foi lançado em direção ao gol, mas acabou desarmado pelo marcador.

Na segunda metade do jogo, o Juventude buscou aumentar a pressão, porém, aos 5 minutos, o Vila Nova mostrou sua força nas jogadas de bola parada. Rafael Donato cabeceou na segunda trave após cobrança de falta, e Igor Henrique completou para o gol, abrindo o placar. Aos 16 minutos, novamente em uma jogada de bola parada, o Vila Nova ampliou sua vantagem. Um escanteio fechado resultou em um gol contra de Danilo Boza. Com o passar do tempo, o Juventude perdeu sua capacidade ofensiva e criativa, enquanto o Vila Nova finalmente conseguiu voltar às vitórias na série B do Brasileirão.