20 de julho de 2024
NotíciasPolíticaÚltimas

Novo Viaduto na BR-153 Entre Goiânia e Aparecida de Goiânia Previsto para 2024

A Prefeitura de Aparecida irá financiar uma obra na Avenida Bela Vista, avaliada em aproximadamente R$ 16 milhões.
www.google.com/maps/

No horizonte de desenvolvimento urbano entre Goiânia e Aparecida de Goiânia, um novo marco se projeta para 2024: a construção de um elevado na rodovia BR-153, conectando as duas cidades. A iniciativa, sob responsabilidade da Prefeitura de Aparecida, pretende encurtar as distâncias e melhorar a mobilidade na região.

O projeto prevê a ligação entre a Avenida Bela Vista, em Aparecida de Goiânia, e a Avenida Otoniel da Cunha, em Goiânia, atravessando a BR-153. Atualmente, as vias convergem em uma das pistas da rodovia, obrigando os motoristas a utilizarem travessias mais distantes, como a Alameda do Contorno na Vila Redenção.

Com um custo estimado em cerca de R$ 16 milhões, a construção do elevador está programada para durar seis meses, dependendo da aprovação da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e da Triunfo Concebra, a supervisão responsável pela BR-153. O apoio da administração municipal é crucial, e um termo de cooperação entre as prefeituras está prestes a ser assinado.

O processo envolve também a desapropriação de parte de um terreno em Goiânia, numa extensão de 150 metros, na Avenida Otoniel da Cunha. A secretária de Meio Ambiente de Aparecida, Valéria Pettersen, destaca a necessidade dessa área para a criação de uma pista acessória em direção à BR-153.

Este projeto de elevação é uma proposta antiga que remonta à gestão de Maguito Vilela, iniciada em 2015. Atualizado pela empresa goiana Basitec, o projeto agora recebe impulso com o financiamento garantido pela Prefeitura de Aparecida, que obteve um empréstimo de R$ 576,3 milhões junto ao Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), conhecido como Banco do Brics, em julho.

Valéria Pettersen esclarece que, ao contrário da intenção inicial de financiamento federal, agora é a Prefeitura de Aparecida quem assumirá integralmente a obra. O projeto, que passou por ajustes para atender às exigências da Triunfo Concebra, tem o objetivo de minimizar riscos no tráfego durante a construção, sendo concluído em seis meses com a utilização de concreto armado.

Além disso, os recursos também viabilizarão outra travessia na BR-153, exclusiva para Aparecida de Goiânia, no Setor Centro da cidade com o Jardim das Acácias, com um custo semelhante de R$ 16 milhões. A estimativa é que a nova estrutura na Avenida Bela Vista reduza em até 30% o tráfego na travessia da Alameda do Contorno, aliviando um ponto histórico de congestionamento na região do Jardim Botânico, em Goiânia.

Arte ( Jornal O Popular)