12 de julho de 2024
EsporteNotíciasÚltimas

A defesa de Daniel Alves enfrentou uma série de equívocos que complicaram sua vida.

A prisão de Daniel Alves na Espanha se deveu a uma “armadilha” criada pela polícia e à divulgação de uma falsa informação sobre um encontro no banheiro. O jogador foi preso após comparecer ao Tribunal de Justiça de Barcelona para depor sobre acusações de estupro. Sua defesa cometeu equívocos que contribuíram para a decisão de prisão provisória, incluindo a viagem voluntária de Alves para a Espanha e a antecipação da estratégia de negação da acusação. Alves gravou um vídeo negando ter conhecido a suposta vítima antes do depoimento. A defesa de Alves sabia da possibilidade de prisão e não a evitou. Houve também brigas familiares sobre a defesa do jogador. A defesa de Alves tem até quinta-feira (26) para apresentar recurso no Tribunal de Barcelona.