20 de julho de 2024
EsporteÚltimas

A final do Campeonato Goiano 2023 terá uma certa dose de renovação com a presença do Atlético-GO e Goiás.

Na final do Campeonato Goiano 2023, Atlético-GO e Goiás chegam com uma renovação significativa em seus elencos, incluindo mudanças de jogadores importantes, técnicos e estágios dos clubes em nível nacional. Apesar disso, pelo menos 15 jogadores finalistas em 2022, entre titulares e reservas, estão novamente na decisão deste ano. O Atlético-GO sofreu com o rebaixamento à Série B e perdeu jogadores de referência, como Dudu, Wellington Rato, Marlon Freitas, Jorginho e Gabriel Baralhas. Porém, o clube manteve alguns jogadores importantes, como Ronaldo, Luan Sales, Jefferson, Shaylon, Airton e Ramon Menezes. O Goiás, que permaneceu na Série A, não tem mais Pedro Raul e Reynaldo, mas manteve Tadeu, Apodi, Fellipe Bastos, Maguinho, Diego, Nicolas e Vinícius. Ambos os times têm jogadores que estavam na final do ano passado e agora esperam conquistar o título, entrar na história do clube e serem lembrados pelos torcedores. Os jogadores do Atlético-GO buscam o bicampeonato, enquanto os do Goiás querem acabar com a fila de quatro temporadas sem o título local.

No renovado Dragão, que começou 2023 com um elenco enxuto, Shaylon é um dos jogadores importantes, formando um trio com Ronaldo e Luiz Fernando. Shaylon é visto como um jogador decisivo, como foi em 2022, quando marcou o terceiro gol na vitória contra o Serrinha (3 a 1), além de ter dado assistência para Wellington Rato virar o placar e ter um gol anulado no primeiro tempo. Nesta temporada, ele marcou cinco gols e deu cinco assistências. Shaylon é um atacante de lado, opção no meio-campo, na ala e também é responsável pelas bolas paradas. O clube, a comissão técnica e a torcida têm muita confiança no talento dele. Ronaldo é certamente o jogador que mais se destacou no Dragão desde o ano passado. Ele era a terceira opção entre os goleiros, atrás de Luan Polli e Renan, mas se recuperou de uma lesão muscular na pré-temporada de 2022 e ganhou a posição. O goleiro só saiu do time por causa de outra lesão, desta vez no ombro, em agosto passado. Recuperado, ele é o capitão do time e uma das lideranças do elenco. Ramon Menezes e Jefferson se lesionaram antes da final do ano passado. Ramon foi relacionado para o último jogo, mas se machucou novamente no mesmo local durante um clássico da Copa do Brasil. Jefferson está disputando posição com Moraes Júnior e, após um começo irregular, se firmou no time neste ano. Airton, um atacante de velocidade, está suspenso e não jogará o primeiro jogo da final. Luan Sales é o reserva de Rodrigo Soares e está tentando se firmar no clube após ser promovido da base.

O Goiás sofreu muito com a derrota em casa para o Atlético-GO no Campeonato Goiano, mas o time conseguiu se recuperar na Série A do ano passado e garantir uma vaga na Sul-Americana. No entanto, a amargura da derrota ainda não foi esquecida e sete jogadores que estiveram presentes na final do Campeonato Goiano contra o Atlético-GO continuam no elenco atual, formando a base do time e representando o clube. Esses jogadores incluem o goleiro Tadeu, os laterais Apodi e Maguinho, o volante Fellipe Bastos, o meia Diego e os atacantes Vinícius e Nicolas. Tadeu é o jogador com maior identificação com o clube, com 210 jogos disputados pelo time. Apodi, que era tratado como ponta direita, agora é titular na lateral direita. Maguinho perdeu espaço no início da temporada, mas se recuperou nos últimos jogos e ajudou o clube a se classificar para a final da Copa Verde. Fellipe Bastos perdeu espaço gradativamente na temporada passada, mas ainda é considerado um dos líderes do grupo. Diego cresceu na equipe e foi um dos principais nomes do clube na temporada passada, mas ainda não entrou em campo em 2023 devido a uma tendinite. Na frente, Vinícius sofreu uma grave lesão na final do ano passado e jogou pouco, enquanto Nicolas perdeu espaço para Pedro Raul no Brasileiro. Agora, Nicolas é o líder da artilharia do Goianão e é uma das principais armas do Goiás para buscar o troco contra o Atlético-GO.